Tenha tolerância com ideias dos oponentes

Apr 11, 2021

Do debate político ao trato com o seu futuro eleitor, como ser tolerante?

Durante o processo eleitoral, seja na pré-campanha, por meio de debates políticos, em encontros presenciais ou lives, o candidato deve estar preparado para discutir ideias, planos de governo e projetos que - na maioria das vezes - serão contrários aos que defende.

Você está se preparando para praticar a tolerância frente às ideias, propostas, opiniões de seus opositores? E quanto aos pleitos de seus eleitores?

Como reagir a quem diverge de seus projetos e ao ser confrontado por pautas nas quais não concorda? Qual atitude vem à sua cabeça? Você vai debater, atacar, admitir, negar, agir na defensiva ou tolerar?

A premissa fundamental para praticar a tolerância é, tão somente, exercer a cidadania brasileira. Cidadania essa que tem, em sua essência, o respeito para com a democracia e para com a liberdade de expressar - e ouvir - pluralidade de ideias. Ser um político-cidadão é compreender e tolerar que, nem sempre, suas propostas serão vitoriosas.

 

Nesse momento de pré-campanha, utilize o espaço público, seja ele físico ou virtual, para praticar a tolerância da seguinte forma:

  • Evite críticas aos oponentes
  • Não atue na defensiva
  • Não responder de forma impulsiva
  • Pondere sobre o assunto verificando a fonte para evitar a propagação de notícias falsas
  • Avalie se o tema se retrata a um fato ou uma opinião isolada
  • Se coloque como interessado em participar
  • Inicie o debate de forma sempre educada e mediadora
  • Direcione a resposta, sem vagar em exemplos desconexos
  • Finalize, esclarecendo sempre, de que se trata da sua opinião

Lembre-se: a arena política não deve se limitar entre aqueles que pensam como você e os que pensam diferente. Não se trata de certo e errado, mas sim de convergência de propósitos, manifestação de ideias e vozes que buscam ser legitimadas para defesa de direitos democráticos

Mais dicas e notícias, aqui!

CICQUE PARA VER MAIS CONTEÚDOS