Academia Mapa do Voto

O que e como fazer para vencer as Eleições 2022 com o marketing político e a comunicação eleitoral mais moderna do Brasil

ASSISTA A PRIMEIRA VIDEOAULA GRÁTIS

PRÉ-LANÇAMENTO

MAPA DO VOTO 3

Tenha em primeira mão um exemplar do novo livro de Gilberto Musto, Mapa do VOTO 3 - a jornada do eleitor. 

São 240 páginas tratando de marketing político, comunicação eleitoral e conceitos sobre conversão de votos, estratégias inéditas para as redes sociais e entendimentos sobre o "funil do eleitor", uma criação do autor, que elucida os passos do eleitor e os pontos de contato com os candidatos.

Compre agora seu exemplar em pré-lançamento e seja um dos primeiros a ter o novo livro do projeto 2022 e 2024. 

COMPRE SEU EXEMPLAR AGORA

Se um adversário tiver um voto a mais que você, é porque ele sabia algo a mais que você

Entenda os quatro eixos de uma campanha eleitoral para as eleições 2022, que fará de você um vencedor.

Posicionamento político

É neste momento em que alguns pré-candidatos podem frustrar-se, quando serão convidados a ceder o lugar no partido a um ou mais candidatos que possuem posições mais sólidas e representação política, além de reputação e relevância em redes sociais.

O segredo para você ganhar a eleição passa por três grandes provas de suas competências eleitorais.

A primeira é entrar no partido certo pois, as estratégias para as coligações proporcionar mudaram a forma de você concorrer as eleições 2022 tanto para deputado estadual como para federal.

A segunda prova a ser vencida é ter a legenda do partido na convenção. Este procedimento envolve uma relação entre a pré-campanha e sua imagem pública e política frente a população e aos integrantes do partido.

E a terceira é a própria eleição que acontecerá em 02 de outubro, onde os resultados de todo o trabalho de pré-campanha e campanha serão descortinados as 17h00 do domingo derradeiro, que mudará sua vida e seus projetos. Se você ganhar ou mesmo se você perder. Pois perder uma eleição faz parte de um projeto vencedor. Saiba como assistindo nossa primeira aula do curso Jornada do eleitor.

Comunicação integrada

Ter reputação nos mundos off-line e online, diferenciarão uma candidatura, pela forma diferente de se comunicar em diversos canais o mesmo conteúdo. Isso parece simples, mas quem não se transformar em um candidato multicanal não conseguirá encontrar o ponto de conversão com o eleitor.

 

A comunicação online, necessita de conteúdos que serão propagados em sites, blogs, redes sociais, canais de vídeos e plataformas de comunicação por mensagens diretas. O eleitor necessita ter um ponto de contato, onde chamamos de Jornada do eleitor. O candidato que não utilizar da forma correta o funil do eleitor, irá se propagar, investir recursos em produção, mas obterá pouca conversão em votos e, perderá a eleição

 

A comunicação off-line e por meios tradicionais como eventos, impressos e materiais de campanha política dos mais diversos, devem ser utilizados em marketing de guerrilha. São estratégias de impactar o eleitor, com o alicerce já instituído pala comunicação online. Em outras palavras, o candidato precisa montar a estrutura de comunicação integrada. Ser um candidato Omnichannel.

 

Mobilização eleitoral

Quando se trata em administrar recursos humanos em uma campanha eleitoral, torna-se uma ação efetivamente comprometedora para uma vitória.

Os mobilizadores que ingressam em uma campanha eleitoral, são classificados em:

Voluntários

Contratadas

Apoiadores

Os voluntários são simpatizantes da candidatura com ou nenhum compromisso de estar presentes em todas as ações do marketing de guerrilha.

Os contratados são pessoas que tem a obrigação de participarem de todas as ações de campanha, mas podem não serem tão simpatizantes do candidato. E isso precisa ser detectado e resolvido por intermédio de capacitação e motivação. Programas detalhado no meu curso “Jornada do eleitor”.

Os apoiadores já têm implícito a vontade de estar presente, liderar outros grupos sociais a integrar a campanha e para alguns deles, o apoio se resume na questão de recursos, sendo os que apoiarão diretamente pelas doações, ou irão levantar recursos com terceiros.

Influenciadores digitais

Hoje, profissionais fundamentais em uma campanha, são os que promovem os conteúdos estratégicos de comunicação em nichos de eleitores, auxiliando o candidato a ter uma melhor relevância nas redes sociais e alcançando espaços bem maiores e significativos, do que em campanhas tradicionais onde seriam conquistados de forma bem mais lenta e com alto custo de posicionamento, principalmente em municípios distantes da base eleitoral.

 

A influência digital no Brasil é inquestionável, trata-se de um segmento do marketing ligado às mídias sociais via internet e redes sociais, cujos influencers , ou seja, influenciadores digitais , geram grande potencial de informações variadas em processo acelerado, capazes de mudar os rumos de uma campanha, porque desperta a curiosidade e influenciam pessoas ou grupos de defensores ou detratores. 

 

Hoje, em toda campanha, detectar estes grupos é prioritário para a tomada de decisões nas estratégias de comunicação integrada e influencia social.

Depoimentos

Veja resultados vitoriosos obtidos pelo trabalho do consultor durante sua carreira em ações pelo Brasil e exterior, em treinamentos e campanhas eleitorais

CONFIRA

Livros

Conheça  rumo as eleições 2022, com os mais novos e atualizados conteúdos para estratégias de marketing e comunicação 

ADQUIRA

Assista mais sobre o Projeto 2022

 

Assista a primeira aula da Academia

CLIQUE E ASSISTA A PRIMEIRA AULA GRÁTIS

Quando devo começar?

No momento que você entra para a Academia, imediatamente já recebe seus primeiros conteúdos inéditos e inicia sua pré-campanha

Baixe grátis o aplicativo Mapa do VOTO

CLIQUE PARA BAIXAR

Blog da Academia Mapa do VOTO

Últimas conteúdos sobre estratégias eleitorais

Tudo sobre consultoria política 

Antes de iniciar qualquer trabalho que objetiva uma campanha eleitoral, em cidades ou estados de qualquer dimensão, a consultoria é o primeiro passo para entender, estudar e decidir os primeiros movimentos. 

Planejamento estratégico, entendimento do novo conceito de comunicação e as referências de um cenário que vem sendo adequado a cada nova situação, apenas um consultor pode colaborar.   

Siga nossas redes sociais

Seminários do consultor

Sobre Gilberto MUSTO

Formado em Marketing e Pós-graduado em:

  • Comunicação Eleitoral e Marketing Político pela UNESA.
  • Marketing e Mídias Digitais pela FGV.
  • Influência Digital pela PUC-RS.

Pós-graduando em Marketing Branding and Growth pela PUC-RS.

É Pesquisador da Escola de Comunicação - Núcleo de Marketing da UFRJ.

É escritor, autor de 5 livros do tema: Mapa do VOTO, Estratégias Políticas para Redes Sociais, O código do VOTO e Mapa do VOTO 2 e Mapa do VOTO 3.

Consultor Político credenciado pela:

ABCOP - Associação Brasileira dos Consultores Políticos. 

É criador da Academia Mapa do VOTO. Plataforma com maior conteúdo de Marketing político e eleitoral do Brasil.

Suas videoaulas no canal do YouTube possuem mais de 2,5 milhões de exibições.

É Jornalista e Radialista. Há 29 anos atuando na área de Marketing Político e Estratégias Eleitorais.

Experiência internacional capacitando equipes nas Eleições Autárquicas em Portugal em 2009. Em 2012 acompanhou as eleições dos Estados Unidos em projeto da George Washington University. Coordenou na Venezuela em 2013 grupos de gestão de comunicação política em redes sociais. Palestrante na Universidad de la Frontera em Temuco no Chile, em 2016. Na George Washington University em 2017 participou do seminário sobre as estratégias das campanhas eleitorais de 2018. Foi estrategista em mídias sociais na campanha do governador eleito de Roraima, Antonio Denarium, em 2018.  Participou em 2021 de seminário em Luanda para as eleições autárquicas de Angola de 2022.

Certificações complementares

PUC-RS - Business Intelligence e Business Analytics com Data Science.

PUC-RS - Extensão profissional em gestão, liderança e tecnologia.

PUC-RS - Competências profissionais, emocionais e tecnológicas para tempos de mudança.

PUC-RS - Fake News, democracia e violência.